Eclipse Lunar total (15-06-2011)



Nem sempre os eclipses lunares são vistos do território português. Esta noite, quando o dia ia cedendo timidamente lugar à noite, esperava-se começar a ver este fenómeno, tanto no continente como na Madeira e nos Açores, por quem esticasse o pescoço ou apontasse telescópios e binóculos em direcção ao céu. Já se sabia que a Lua iria nascer tapada, naquele que este ano seria o único eclipse total visível no país.

Neste fenómeno, a Lua mergulha por completo na sombra da Terra. O nosso planeta interpõe-se então entre a Lua e o Sol, pelo que o eclipse lunar ocorre quando a Lua atravessa essa zona de sombra projectada pela Terra.

Sem receber a luz do Sol, e como não tem luz própria, a Lua deixa de ser vista durante essa travessia. Ora, esta noite a ofuscação total da Lua pela sombra da Terra começou às 20h22 em Lisboa. Só que, nesse momento, ainda estava abaixo do horizonte para quem se encontrava na capital. Apenas às 20h58 ela surgia no céu, já eclipsada. Mas estava tão baixa, tal como na Madeira, que era preciso ter boa visão do horizonte.

Muitos acorreram ao Observatório Astronómico de Lisboa; o problema foi que as nuvens e as árvores estragaram a festa. E a desilusão ficou estampada na cara de muitos daqueles que tentavam ver o eclipse total, que acabaria às 22h03 em Lisboa.

Nas ilhas de Santa Maria e das Flores, nos Açores, só se esperava apanhar o eclipse na fase final. A festa da Lua terá de ficar para outro dia.

IN http://www.publico.pt/

Sem comentários:

Featured Post

Audi A3 TDI para venda Ilha da Madeira

PARA VENDA  Audi A3 TDI 105cv Veiculo em excelente estado, bom andamento, confortável e econômico, consumos de 6L/100. Apenas com 83....